Sujeira pouca é bobagem

sujeira política   Há mais de um mês depois do primeiro turno das eleições municipais ainda se encontram santinhos jogados pelas ruas do bairro, nas calçadas e nas gramas, principalmente próximo aos locais de votação. A prática de se jogar santinho nas ruas um dia antes do pleito é antiga, faz parte da velha política, que ainda acredita que eleitores mal informados e alienados podem mudar o voto em cima da hora ou mesmo escolher aleatoriamente um panfleto jogado no chão para digitar os números e votar. Não parece possível que os políticos de hoje subestimem a inteligência da população, mas é isso acontece.
    No dia 07 de outubro, eleitores de diversos lugares da cidade ficaram indignados com a grande quantidade de papéis jogados nas ruas, que sujaram os bairros e que continuam entupindo bueiros e sendo carregados pela água das chuvas aos córregos. A colocação de banners também deveria ter suas limitações, pois não é difícil ver banners pendurados e jogados nas ruas, além dos cavaletes abando-nados, que só poluem visto que não tem mais utilidade. Nas próximas eleições temos certeza que grande parte dos pretendentes a vereadores serão os mesmos que estão deixando o lixo eleitoral para trás. Fica a dica para os eleitores começarem a escolher desde já em quem não votar.
    Não houve a preocupação verdadeira com a cidade, nem mesmo por parte da prefeitura, pois os poucos mutirões de limpeza que foram montados são formados por voluntários e não pelos próprios políticos sujões.

Acesse Também!

Guia Caderno

Campo de Santana

Anunciantes