Projeto Jiu Jitsu no CESPA em busca de patrocínios

Com  a conquista de 12 medalhas na 1ª Etapa do Paranaense agora o desafio é em Guarapuava

projeto jiu jitsu no cespa em busca de patrocinios abril maio 2017Jiu Jitsu quer dizer suavidade na técnica, onde jiu significa suave e jitsu, arte ou técnica. É um termo oriundo da cultura japonesa, mas a verdadeira origem da arte marcial é a Índia. Utiliza várias técnicas e golpes para derrotar o oponente e, como toda arte marcial, requer muita atenção, concentração, disciplina e responsabilidade. O projeto criado e desenvolvido pelos professores Edeson das Neves e Michel Elias, com supervisão do Mestre Francisco Valente está transformando a rotina na Escola Estadual São Pedro Apostolo (CESPA), no bairro Xaxim. No momento o projeto conta com cerca de 40 alunos e estão sendo criados mais horários. Toda uma estrutura foi adaptada em uma sala da escola para receber o esporte que, pelos resultados alcançados, pode-se avaliar ter dado muito certo. Muitas crianças e adolescentes estão sendo beneficiadas pela filosofia e pela prática do Jiu Jitsu, que além de ensinar essa arte milenar, prepara os alunos para atuarem em equipe, ter equilíbrio físico e emocional e traz uma severa disciplina exigida pelos professores nos treinos, que consequentemente também é levada para a sala de aula, para a família e para a sociedade como um todo. "A gente está tendo só boas notícias, que o aluno está melhorando na escola, o comportamento com os pais, e isso é uma coisa que a gente visa muito”, disse o idealizador do projeto, Edeson. “A arte marcial requer muita disciplina, muito respeito e com o Jiu Jitsu não é diferente. O Jiu Jitsu traz uma filosofia de vida muito grande, onde é fundamental o respeito à hierarquia, às disciplinas que vem sendo implantadas através de um longo tempo, através dos grandes Mestres que deixaram isso para a gente”, reforçou o professor.

projeto jiu jitsu no cespa em busca de patrocinios contabil abril maio 2017 O projeto funciona somente no Colégio São Pedro Apóstolo, mas seus idealizadores afirmam que há um interesse de que seja implantado em mais escolas, sendo que para isso seria necessário mais apoio e investimento no mesmo. No momento os únicos patrocínios recebidos são de comerciantes locais e amigos. Nem Prefeitura Municipal e nem o Governo do Estado amparam o projeto para que as crianças participem gratuitamente e com toda a estrutura necessária para treinar em alto nível.

 No domingo, dia 26\03, a equipe participou da 1° Etapa do Campe-onato Paranaense de Jiu Jitsu 2017, onde garantiu para o Colégio São Pedro Apóstolo 12 medalhas, sendo: 4 ouros, 4 pratas e 4 bronzes. O intuito da equipe é participar das 5 etapas que irão acontecer ainda esse ano. A segunda será no dia 07/05, em Guarapuava, mas para isso acontecer está precisando de ajuda. Para aqueles que despertarem interesse pelo projeto, a administração do mesmo convida a todos para vir conhecer, participar e ajudar. “Estamos de portas abertas”... quem quiser vir pra assistir vai ver que é uma coisa bem feita, o que a gente está passando aqui é fundamental para ajudar essa criançada, explicou Edeson das Neves. 

 

projeto jiu jitsu no cespa em busca de patrocinios logo abril maio 2017A equipe agradece ao Mestre Professor Francisco Valente, Michel Elias e Edeson Das Neves, bem como aos funcionários e a direção do CESPA - Diretora Andrea e M3 Contábil pelo patrocínio e apoio recebido.

Acesse Também!

Guia Caderno

Campo de Santana

Anunciantes